Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Redemption

Muito sobre nada! Ou nada sobre muito! Depende sempre da perspectiva de quem lê!!!!

Redemption

Chamuças de Atum com Caril

Ontem resolvi experimentar uma receita diferente, mais uma que vi no blog As minhas receitas!

E claro que resolvi fotografar para a prosperidade, AKA para vossemecês, a feitura da receita.

É muito simples, económica e extremamente saborosa para quem gosta de sabores exóticos!

A pergunta para um milhão de euros...."E tu Me, comeste as ditas cujas? Estavam boas?"

Pois...na verdade...nem uma provei!!!! O marido tinha que ir trabalhar à noite e achou por bem levá-las para distribuir pelos colegas! Mas eles garantiram que estavam fantásticas e que podia continuar a fazer!!!

Mas pronto, foi por uma boa causa! 

Aqui fica a bela da receita:

Chamuças de Atum com caril

Ingredientes da receita original:
  • 2 latas de atum ao natural
  • 1 cebola pequena
  • 2 mãos cheias de folhas de espinafres ou outro vegetal
  • 1 colher de chá de pó de caril
  • 2 folhas de massa filo
  • manteiga q.b.
  • sal e pimenta q.b.
  • azeite q.b.
Picas a cebola e vai a alourar juntamente com um pouco de azeite. Juntas depois o pó de caril e envolves bem no refogado. Acrescentas o atum escorrido (eu só uso o natural!) e as folhas de espinafres (como não tinha usei grelos cozidos do almoço!), temperei de sal e pimenta.  Retirei do lume e deixei arrefecer.
Entretanto cortei cada uma folha de massa filo em 3 tiras, de modo a obter 3 tiras de massa. Por acaso só tinha 1 folha rectangular e seis folhas redondas, por isso só fiz 3 chamuças triangulares e as restantes ficaram tipo crepe (a tropa manda desenrascar!!!)
Dividi o recheio por cada uma das tiras de massa, e formei os triângulos característicos das chamuças dobrando a massa com o recheio sobre si mesma.
Pincelei no final com um pouco de manteiga derretida para que a massa ficasse colada, e pincelei também por cima com um pouco de manteiga.
Coloquei as chamuças num tabuleiro forrado com papel vegetal e foram ao forno previamente aquecido a 180ºC até que ficaram douradas, e virei-as para que tostassem uniformemente.
E voilá...ficaram fantásticas!!!!!
 
Deixo-vos o video fantastico da app Magisto que fiz para registar o momento!

 

15 comentários

Comentar post