Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Redemption

Muito sobre nada! Ou nada sobre muito! Depende sempre da perspectiva de quem lê!!!!

Redemption

Fins e inicios

Terminei de ler o "Labirinto dos Espíritos" do Carlos Ruiz Zafón. Fiquei completamente rendida à escrita, à magia das palavras e à riqueza das inúmeras histórias que se interligam! 

Já antes de o acabar tinha pensado no que queria ler a seguir. Andava com um livro debaixo de olho, desde que li no blog da Sra. Magda Pais a sua opinião sobre "Um Homem Chamado Ove" de Fredrik Bakman!

Mas não comprei o livro, descarreguei o ebook! Afinal não posso comprar todos os livros que quero ler!

 

E deixem que vos diga...estou a adorar a sua leitura! O Ove é tão desumanamente humano que só me apetece abraçá-lo!

Este fim-de-semana também comecei a ver a série Twin Peaks que já deu em 1990, mas que nunca segui!

 

 

Mais uma série...mais um stress

Como não podia ver a "Guerra dos Tronos" porque o marido estava para fora resolvi comecei a ver este fim de semana mais uma série os "Leftovers".

The Leftovers passa-se inicialmente em uma cidade de Nova Iorque chamada Mapleton, e narra os acontecimentos de 14 de outubro. Nesta data milhares de pessoas simplesmente desapareceram e a série acompanha a vida das pessoas que não foram levadas pelo "arrebatamento", três anos após ter ocorrido. Acredita-se que 2% da população mundial tenha desaparecido (algo em torno de 140 milhões de pessoas) e a série passa a acompanhar como a sociedade convive atualmente após tal acontecimento. Já vai para a 3.ª temporada.

A série faz-nos pensar na nossa vida, aquela que damos como garantida. E se sua vida fosse terminada em um instante? E se sua esposa ou seu filho desaparecesse bem na frente de seus olhos? Será que foi o arrebatamento ou algo mais difícil de explicar? Como você reconstruiria sua vida após eventos tão devastadores? Essas são as questões que confrontam os cidadãos de Mapleton, uma comunidade suburbana que perdeu centenas de pessoas em um repentino arrebatamento. Kevin Garvey (Justin Theroux), o novo chefe de polícia, deseja seguir em frente e levar um sentimento de esperança para seus vizinhos traumatizados, mesmo enquanto sua própria família se desintegra

É uma série de uma grande intensidade emocional que nos faz repensar na vida e como a encaramos depois de perder alguém que é tão importante para nós!

Claro que, como resultado da intensidade emocional da série, e como a personagem principal tem pesadelos tão reais, aconteceu-me o mesmo a mim!

Eu quase nunca me lembro do que sonho, mas esta noite  tive um pesadelo que me parecia mesmo real!

Eu tinha a certeza (no meu pesadelo) que aquilo que sentia era verdadeiro...as imagens...as conversas...as pessoas...era tudo realidade! E a realidade era dura e pesada...e magoava!

Lembro-me de tudo com grande clareza, lembro-me das palavras proferidas, da dor sentida!

A maldita série mexe connosco, com os nossos sentimentos e faz-nos pensar se não seria melhor deixar-mos de sentir...deixar-mos de nos preocupar como fazem os "remanescentes culpados".

Se quiserem ler um pouco mais sobre esta série podem espreitar aqui uma excelente critica