Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Redemption

Muito sobre nada! Ou nada sobre muito! Depende sempre da perspectiva de quem lê!!!!

Redemption

Ao espelho...a nu!

No sábado fui à 1.ª consulta de psicologia de grupo.

Supostamente  será um grupo de 7 pessoas, mas 3 delas não puderam comparecer.

Segundo a psicóloga estas reuniões servirão para nos conhecer-mos melhor e até ao Natal termos ferramentas que nos permitam ultrapassar os jantares de Natal e os excessos associados a esta época!

Nesta 1.ª reunião falamos um pouco de nós.

Foi nos proposto escrever as palavras que para nós mais nos caracterizam bem como um símbolo que associamos a nós!

Este assunto é-me dificil, sou pouco dada a grandes reflexões pessoais. Levo a vida com uma certa ligeireza, nunca procurando escavar bem fundo, nunca procurando descobrir como é o meu verdadeiro ser, o meu EU!

Quanto aos aspetos negativos estes foram os escolhidos por mim...é assim que eu me vejo:

ausente.jpg 

Eu não sou de procurar amigos para falar, nem de mim...nem deles...passam-se semanas sem um telefonema...sem dizer uma palavra! 

ceder.jpg

Cedo com muito facilidade...odeio confrontos....prefiro estar bem do que ter razão!

desistente.jpg

Desisto assim que encontro muitas contrariedades!

fechada.jpg 

Não sou de desabafar, guardo o que é meu para mim!

preguicosa.jpg

Muito preguiçosa...começo com muito boa vontade...mas facilmente me rendo à preguiça! Inicio várias atividades mas rapidamente me deixo levar pela ociosidade!

 

Quanto aos aspetos positivos  escolhi estes:

amavel.jpg

Procuro ser amável, gentil com os outros, nunca descarregando neles as minhas chatices!

disponivel.jpg 

Apesar de ausente quem me conhece sabe que pode contar comigo!

extrovertido.jpg 

Sou uma falsa extrovertida...forço-me por comunicar com os outros com alguma facilidade, de ser expansiva.

As pessoas acreditam que eu sou assim, que não tenho problemas de falar...mas nunca sobre mim.... 

simpatica.jpg

Conhecem aquela máxima: "Todos os gordos são bem dispostos e simpáticos"?

Pois...no geral acho que sou afável e simpática, procuro que todos à minha volta estejam bem!

 Relativamente ao símbolo optei por desenhar uma "happy face":

E porquê? Porque o que sempre desejei e desejo é ser feliz...ter motivos para gostar de mim e sorrir!

Estas reflexões não são nada fáceis, principalmente agora que estou mais ciente delas!

Todos nós queremos melhorar, ser melhores pessoas. Vejo que tenho que fazer mudanças profundas na maneira como me vejo. Tenho que não me agarrar às desculpas de sempre para fraquejar. 

A mudança começou fisicamente mas a mais importante é que tenho fazer interiormente!

 

Estou que nem posso!

Estive toda a manhã na escola por causa da reunião de pais!

Haja paciência para os papás que gostam de contar para todos ouvirem as peripécias dos filhos!

Acho que estas reuniões servem para generalidades...para tirarmos duvidas que abrangem toda a gente e não apenas o meu querido e rico filhinho!!!! Horários, regras, conduta, etc!!!

Mas há papás que gostam de contar que o seu rico filho é assim ou assado e que por causa disso tem determinados comportamentos! Quero lá eu saber da vida deles! Arre!!!!

Numa turma de 28 alunos, dos quais 24 andam juntos desde o 1.º ano da escola, é natural que haja muita cumplicidade entre eles!

O meu mudou de escola e veio juntar-se a este grupo, mas felizmente conhece mais de metade da turma de outras atividades!

Vamos ver como corre esta mudança a todos os níveis! 

Sair do casulo

Este fim de semana resolvi sair do meu casulo e desbravar novos caminhos!

Para o marido também foi uma estreia e ele adorou!!!

E posso dizer que não estou nada arrependida!

Sinto-me com mais auto-estima, a balança começa a ser vista como minha amiga e tudo isso ajuda para me sentir melhor!

 

A prova dos nove

Hoje à tarde vou à última consulta, que para mim é das mais importantes! Vou à consulta de psicologia!

Como dizia a nutricionista a operação não vai curar a minha cabeça...essa vai continuar na mesma!

Por isso as consultas com a psicóloga vão ser primordiais. Vou precisar delas como pão p´ra boca!

 Espero que seja das boas...que me meta juizo nesta cabeça! Que me faça ver a luz!