Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Redemption

Muito sobre nada! Ou nada sobre muito! Depende sempre da perspectiva de quem lê!!!!

Redemption

Distrações pertinentes

Depois de ter passado o dia de sábado de pijama sem por os pés fora de casa, disse para mim mesma...já chega!

No domingo agarrei no Mini Me e fomos só os 2 fazer um programa mãe/filho!

Fomos almoçar ao restaurante e depois seguimos para o cinema ver "Logan".

 

O filme é muito bom (na minha modesta opinião de fã incondicional deste tipo de filmes!) e sem querer ser spoiler, termina muito bem! Acho que Wolverine já merecia um merecido descanso...bem como o Prof. Xavier! E não digo mais nada...vão ver o filme!

Depois do filme fomos fazer umas comprinhas para o Mini Me, que já estava a precisar de calças de ganga! Até há bem pouco tempo (tipo...semana passada) só queria ir de calças tipo treino para a escola! É o melhor para fazer parkour, diz ele! Mas agora já começa a olhar para a sua propria sombra e já quer ser ele a escolher a roupa! 

São sinais de que está a crescer! E deixem que vos seja sincera...eu gosto de o sentir a crescer e a ficar mais senhor de si! 

 

Visita a Conimbriga

No sabado passado levei o Mini me e a mamy até Coninbriga para visitar-mos as Ruinas da Cidade Romana e o Museu.

Foi muito interessante o passeio e o Mini me pode ver ao vivo a matéria que tinha dado nas aulas de História.

A evidência arqueológica revela-nos que Conimbriga foi habitada, pelo menos, entre o séc. IX a.C. e Sécs. VII-VIII, da nossa era.
Quando os Romanos chegaram, na segunda metade do séc. I a.C.,  Conimbriga era um povoado florescente.
Graças à paz estabelecida na Lusitania operou-se uma rápida romanização da população indígena e Conimbriga tornou-se uma próspera cidade.
Seguindo a profunda crise poíítica e administrativa do Império, Conimbriga sofreu as consequências das invasões bárbaras.
Em 465 e em 468 os Suevos capturaram e saquearam parcialmente a cidade, levando a  que, paulatinamente, esta fosse abandonada.
Conimbriga corresponde actualmente a uma área consagrada como monumento nacional, definida por decreto em 1910.

Criado em 1962 o Museu de Conimbriga é exclusivamente dedicado ao sítio arqueológico em que está inserido.
A sua colecção é diversificada e materializa a evolução histórica do lugar, entre finais do segundo milénio antes de Cristo e o séc. VI da era cristã.
Os objectos expostos foram encontrados durante as escavações que, com grandes interrupções, se realizaram desde 1898 e, distribuídos por trinta e um temas distintos, ilustram a vitalidade desta cidade.

Aqui vos deixo um pequeno video sobre o nossa visita!

 

Já cheira a primavera...and i love it!

Estou super animada. O tempo está um espetáculo e já só apetece vestir roupas frescas.

Este fim de semana vou com o Mini Me e a minha mãe passar o fim de semana a Arganil.

Na região de Arganil há muito que ver, mas nós já conhecemos bem quase todos os locais por isso estou a fazer planos para o levar a Coninbriga.

O fim de semana vai ser de passeio e de dolce fare niente! 

Para ajudar à festa da boa disposição como 3.ª deram tolerância resolvi meter a 2.ª de férias e voilá...fim de semana prolongado!

Ora confiram lá o meu outfit de hoje! 

 

 

 

 

Passeio forçado

Ontem a seguir ao almoço o marido combinou irmos ter com uns amigos à localidade de "Vila Nova", pois estava a decorrer uma confraternização de motards. Como íamos os 3 fomos de carro.

Antes de sairmos de casa eu perguntei-lhe que "Vila Nova" era....pois há uma "Vila Nova Boa" que pertence ao nosso concelho (a 7km) e há outra "Vila Nova Velha" que pertence ao concelho vizinho ( a 35km)!

Diz-me ele  irritado: "vamos a "Vila Nova" não estou a ver qual é a duvida"!

Ok...vamos lá embora. E andamos...andamos...andamos...curva contra curva...um nevoeiro de meter medo...e continuamos a andar...o Mini Me já super enjoado! Ao fim de quase 1 hora pergunto-lhe: "Estamos perdidos, não estamos?". É que é nosso hábito andarmos perdidos! 

Lá chegamos ao nosso destino e eu ligo aos amigos a perguntar onde estavam! Dizem eles: "Estamos no Pavilhão Gimno desportivo aqui na Vila Nova Boa!"

What??? Só podem estar a brincar comigo! É que o meu excelentíssimo marido tinha nos levado para "Vila Nova Velha!"

Fiquei possessa...já não quis ir para lado nenhum que não fosse a minha rica e quentinha casinha! 

Arre maridos teimosos! 

 

 

 

O rescaldo do fim de semana

Este fim de semana aproveitamos o sol e fui cumprir a promessa que tinha feita ao marido!

Vesti o meu casaco, coloquei o meu capacete, luvas e lá fui eu cheia de coragem!

O programa era irmos até Vila Real (cerca de 40km), almoçávamos, íamos ao cinema e regressávamos a casa! 

O Mini Me foi para casa da avó, pois não podia mais uma vez faltar à bendita catequese e claro que não podia ir connosco!

Tudo pronto!

A primeira dificuldade foi subir para o raio da mota...diz ele...é como quem sobe para um cavalo...pois...mas eu não sou uma amazona...só subi para cima de um cavalo uma única vez!!!! Mas pronto...lá consegui!

A segunda dificuldade foi ter que conseguir me curvar ora para a esquerda ora para a direita quando não vejo a estrada, pois vou com o focinho atrás das costas do marido!!!!!

Mas pronto, lá chegamos sãos e salvos ao nosso destino. Quando paramos tinha as mãos dormentes e sentia formigueiros nos dedos. Porquê? Porque nestas motas o pendura, rodeia o condutor e vai apoiar as mãos no reservatório de combustível, e de tanta força fazer, porque estava super tensa, fiquei com uma dor horrível nas mãos e pulsos!!!

 Mas devo dizer que gostei da sensação do vento a passar por entre o nosso corpo, da velocidade!

moto1.jpg

 

Depois de almoço fomos ao cinema ver "Capitão América: Guerra Civil". Eu gostei muito, pois sou fã dos filmes da Marvel, mas o marido achou uma fantochada! 

 

 

A viagem de regresso correu muito melhor. Já estava mais confiante, fazia melhor as curvas (não sei porquê mas curvo melhor para a esquerda do que para a direita) e já não fiz tanta força com as mãos! Quero voltar a repetir a experiencia!

 

Já o domingo foi uma grande seca!!!

Acordei as 7:30 com uma grande enxaqueca! Daquelas terríveis! Toca de tomar o Zomig e tentar dormir mais um pouco!

Quando voltei a acordar as 9h já me sentia um pouco melhor, mas a m*rd* da zona por cima do olho sempre a latejar!

Só mesmo os beijinhos e abraços do filhote me fizeram sentir melhor! Adorei as prendinhas que ele tinha para mim! Tudo feito por ele. Desde pequeno  lhe incuti que tanto no Dia da Mãe como no do Pai as melhores prendas são as que ele faz com todo o amor e carinho!  

 

Arranjei forças para ir almoçar com a mammy e de regresso a casa passei a minha tarde a relaxar no sofá. A p*t* da enxaqueca voltou com a força por volta das 16h obrigando-me a tomar outro Zomig! Há muito que tal não me acontecia! Há seis meses que faço o tratamento para as enxaquecas e não vejo resultados nenhuns! 

domingo.jpg

 

Enquanto eu vegetava  o Mini Me foi andar de moto com o pai, pois ficou com ciumes por sabado não ter ido!

Quando me senti melhor fui fazer uns mimimhos  para o  jantar!

E assim terminou mais um fim de semana!

Felizmente hoje acordei bem, sem vestigios da maldita! Espero que esta se mantenha longe!!!!!